domingo, 11 de maio de 2008

Meu dia de Júlio Verne

Descer 50 metros dentro da terra já me fez sentir a emoção descrita pelo escritor Júlio Verne em Viagem ao Centro da Terra, quanto mais eu caminhava para dentro, mas eu lembrava desta aventura… rsrsrs

Com lugares iluminados artificialmente, a gruda das moedas se torna ainda mais irresistível, e por sorte o grupo que eu estava para explorar a gruta, foi liberado para fotografar, o que foi simplesmente maravilho, pois só falar disso não daria para ilustrar o quanto é lindo!

Gruta feita de pedra calcária com mais de 250 mil anos, uma verdadeira obra-prima da natureza, ver aquelas paredes de pedra calcária tão maravilhosamente esculpidas pela água é dar uma impressão da magnitude de Deus e da simplicidade que ele coloca as coisas no mundo.

Não tenho mais palavras para descrever a emoção de sentir literalmente dentro da terra.

















4 comentários:

Pat disse...

parece cera... hauhau
=*

bia disse...

Elza as fotos estão lindaaaasssssssss........

bj

Bia

Daine disse...

Deus me livre entrar num buraco desse
kkkkkkkkkkkkkkkk

imagina um terremoto nessa hora e a pessoa ficar soterradaaa
OH NO

kkkkkkkkkk

Thayse disse...

Coreeeesssss, lindas cores tem nesse lugar, axo q eu ia ficar maluca vendo isso tudo, axo q foi o lugar mais lindo q vc já fotografou. Adorei d verdade!!!!!


Blogspot Template by Isnaini Dot Com